terça-feira, 16 de setembro de 2014

Jorge Luis Borges e o seu gato Beppo

© Foto de Paola Agosti. Jorge Luis Borges e o seu gato Beppo, 1980.

Em 1980, o escritor, poeta, tradutor, crítico literário e ensaísta argentino Jorge Luis Borges (1899-1986) foi fotografado ao lado de seu gato Beppo, ao qual ele dedicou algumas de suas poesias. O gato Beppo conviveu quinze anos com Borges.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Jean-Paul Sartre e Simone de Beauvoir no Brasil

© AFP. Simone de Beauvoir e Jean-Paul Sartre passeando no calçadão da Praia de Copacabana. Rio de Janeiro, 21 de setembro de 1960.

Em 1960, Jean-Paul Sartre e Simone de Beauvoir visitaram o Brasil numa viagem que durou quase três meses, entre agosto e novembro, sempre acompanhados de Jorge Amado. Dizem que Simone de Beauvoir cometeu uma gafe quando ao tomar água de coco pela primeira vez perguntou: “mas como fazem para colocar água aqui dentro?”. Na viagem o casal visitou também Salvador, São Paulo, Araraquara, e Recife, onde realizaram diversas palestras.

A felicidade na visão de Leon Tolstoi

© Foto de Anna Grazhdankina. Seis irmãs. Rússia. Sem data.

“A verdadeira felicidade está na própria casa, entre as alegrias da família”.

Leon Tolstoi (1828-1910).

domingo, 14 de setembro de 2014

Martine Franck no "Atelier de Montrouge"

© Foto de Martine Franck/Magnum. Crianças nas escadarias do "Atelier de Montrouge". França, 1965.


Esta fotografia foi feita por Martine Franck (1938- 2012), nas escadarias do "Atelier de Montrouge", nas redondezas de Paris. Para quem não sabe, Martine foi a segunda mulher de Henri Cartier-Bresson e presidente da Fundação Henri Cartier-Bresson. Nascida em Antuérpia (Bélgica), Martine começou a sua carreira em 1965, e nos anos 80 tornou-se uma das poucas mulheres associadas à Agência Magnum.

O fantástico mundo de Bruce Weber

© Foto de Bruce Weber. Ensaio para a Vogue Itália, outubro de 2012.


Esta foto fez parte de um ensaio feito pelo fotógrafo Bruce Weber para a revista Vogue Itália, na edição de outubro de 2012. O fotógrafo Bruce Weber nasceu em 1946, em Greensburg, na Pensilvânia, nos EUA. Realizou campanhas memoráveis para a Calvin Klein, Ralph Lauren , Pirelli , Abercrombie & Fitch , Revlon , Gianni Versace entre outras marcas. Bruce já produziu diversos ensaios para as revistas Vogue, GQ, Vanity Fair, entre muitas outras.

sábado, 13 de setembro de 2014

O doce olhar de Cristina García Rodero

© Foto de Cristina Garcia Rodero/Magnum.  Madrid. 1994


Esta é mais uma bela fotografia de Cristina García Rodero, primeira fotógrafa espanhola a ingressar na Magnum Photos. Nascida em 1949, Cristina se tornou conhecida por sua obra Espanha Oculta (1989). "Eu tentei fotografar a alma misteriosa, verdadeira e mágica das pessoas da Espanha em toda a sua paixão, amor, humor, ternura, raiva, dor, em todas as suas verdades”, afirmou a fotógrafa. Garcia Rodero juntou-se à Magnum em 2005 e tornou-se um membro pleno em 2009.

A lente amorosa de Alécio de Andrade

© Foto de Alécio de Andrade. Central Park. Nova York, 1973.


Desejo um excelente final de semana a todos, pela lente amorosa do fotógrafo brasileiro Alécio de Andrade (1938-2003).

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

O fabuloso Paulo Leminski

© Foto de Dico Kremer. Paulo Leminski, na década de setenta.

“Nada se leva. A não ser a vida levada que a gente leva”.

Paulo Leminski (1944-1989).

Mia Farrow e as crianças do mundo

© Foto de Steve Schapiro. Mia Farrow conforta uma criança em Bora Bora, 1978.


Esta é a atriz Mia Farrow durante uma pausa nas filmagens de “Hurricane”, em Bora Bora, na Polinésia Francesa. Na foto feita em 1978, por Steve Schapiro, vemos a atriz abraçando afetuosamente uma criança nativa. Não é atoa que Mia Farrow se tornou embaixadora da Boa Vontade da UNICEF em 2000, e desde então vem promovendo campanhas destinadas a angariar fundos para ajudar as crianças que vivem em zonas de conflito como Darfur, Congo, Haiti, Chade e Nigéria.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Enrique Aracena é o autor de célebre fotografia do golpe militar no Chile

© Foto de Enrique Aracena. Durante décadas esta célebre fotografia teve a autoria desconhecida. Chile, 1973.


Em 11 de setembro de 1973, o Chile viveu um dos episódios mais tristes da história da América Latina, o fatídico golpe militar, que com o apoio intenso dos EUA, derrubou o presidente socialista Salvador Allende. Uma das imagens mais conhecidas desse dia, durante décadas teve a autoria desconhecida. Trate-se do fotojornalista Enrique Aracena, que na época trabalhava no jornal El Mercurio. A foto correu o mundo.

As torres gêmeas na visão de Ignacio Aronovich

© Foto de Ignacio Aronovich. As torres gêmeas dominando a paisagem de Nova York. EUA, 1991.


Numa manhã ensolarada, no dia 11 de setembro de 2001, as torres gêmeas desabaram em pó, após dois aviões baterem nos dois edifícios, no maior atentado ocorrido na história dos EUA. Nesta foto, de autoria de Ignacio Aronovich, feita em 1991, do 86º andar do Empire State Building, vemos as torres dominando a paisagem de Nova York. Para fazer a fotografia, o brasileiro Ignacio Aronovich usou uma Nikon FM2, com uma lente 50mm, com filme Fujichrome Provia e revelado no processo C-41. O resultado foi este belíssimo registro.

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Saudades de Baden Powell

© Foto de Pedro de Moraes. O violonista e compositor Baden Powell. Sem data.


Revendo esta foto de Baden Powell (1937-2000), de autoria Pedro de Moraes, me bateu uma enorme saudade deste genial músico, um dos maiores violonistas brasileiros de todos os tempos. Foi na livraria brasileira que o meu pai fundou no Quartier Latin em Paris, que eu ainda adolescente, ouvia os discos do Baden, quando a minha família vivia exilada na França, no final da década de setenta. “Se você acha que é possível ter uma vida perfeita, viverá em eterna frustração. Altos e baixos, alegria e tristeza, entusiasmo e decepção são partes integrantes da nossa existência. Lute sempre para melhorar e alegre-se com suas conquistas. Muitas pessoas devem a grandeza de suas vidas aos problemas que tiveram de vencer”, dizia Baden Powell.

Sebastião Salgado no Alto Xingu

© Foto de Sergio Moraes/Reuters. Sebastião Salgado na Aldeia Waurá. Alto Xingu. Brasil, 2005.


Eu pedi ao fotógrafo Sergio Moraes, da Reuters, que me descrevesse esta bela imagem que mostra o Sebastião Salgado fotografando os índios no Alto Xingu: “Em agosto de 2005, fui a Aldeia Waurá no Alto Xingu, fotografar a festa do Quarup. Quando cheguei lá tive a bela surpresa de encontrar o Mestre Sebastião Salgado. Ele estava fotografando para seu projeto Genesis. Mas minha maior surpresa foi ver o cara sem sua Leica. Depois de tomar coragem, mandei: ‘Cadê a Leica Salgado’? Ele com toda simplicidade respondeu: ‘Agora estou de Pentax 6 por 4,5’. Fiquei de boca aberta. Ele percebeu minha perplexidade, e disse: ‘É muito boa’. Agora ele já mudou novamente e está de Canon”.

A mãe de Francis Ford Coppola

© Foto de Steve Schapiro. Francis Ford Coppola e sua mãe (à direita). Itália, 1973.


Em 1973, num momento de descontração durante uma pausa nas filmagens de "O Poderoso Chefão II", a figurante Italia Coppola (1912-2004), mãe do diretor Francis Ford Coppola, usou um disfarce que representava o filho ilustre. O Poderoso Chefão é uma das mais aclamadas trilogias da história do cinema.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

O fantástico mundo de William Albert Allard

© Foto de William Albert Allard. Meninas correndo para casa. França, 1967.


Em 1967, o fotógrafo norte-americano William Albert Allard, que trabalhava para a revista National Geographic, realizou este magnífico registro. "Eu fui mais influenciado por pintores do que por fotógrafos, a prova disso é a foto das duas meninas correndo por uma estrada no interior da França. Ainda me lembro de quando fiz essa imagem. Foi ao anoitecer, fiz duas exposições com minha câmera Leica, foi uma espécie de mágica, uma das meninas não está pulando, ela está flutuando no ar”, afirma William, atualmente com 77 anos de idade.

O descanso de Truman Capote

© Foto de Steve Schapiro. Truman Capote descansa num motel. Humboldt, KS. EUA, 1967.


Este é o romancista e dramaturgo norte-americano Truman Capote (1924-1984) retratado por Steve Schapiro, quando descansava num motel no Kansas, em abril de 1967. Nos seus 50 anos de carreira, Steve Schapiro fotografou as pessoas mais influentes da história recente dos Estados Unidos.

Caminhando com Chico Buarque de Holanda

© Foto de Leo Aversa/O Globo. Chico Buarque caminha na Praia do Leblon. Rio de Janeiro, 2004.


Em 26 de maio de 2004, o fotógrafo Leo Aversa realizou uma sessão de fotos na Praia do Leblon com Chico Buarque de Holanda, a menos de um mês dele completar 60 anos de idade. “Marcamos na Praia do Leblon, em frente ao Hotel Marina. Quando chego, ele está parado, distribuindo autógrafos. Anda todo dia por lá e sabe que o segredo é não parar. O carioca é blasé, mas resistir ao Chico parado, de bobeira, já é demais. Todos querem tirar foto do lado, pedir autógrafo, homens, mulheres, crianças, cachorros e papagaio. Todo mundo ali com cara de bobo, olhando para ele”, afirma Aversa. Os dois foram até a areia para iniciar a sessão, que resultou nesta bela fotografia.

domingo, 7 de setembro de 2014

Brasília por Marcel Gautherot

© Foto de Marcel Gautherot / IMS. Vista Noturna do Eixo Monumental de Brasília, c 1967.

Navegando no site do Instituto Moreira Salles me deparei com esta belíssima fotografia noturna do eixo monumental de Brasília, feita por Marcel Gautherot (1910-1996). Desde 1999, mais de 25 mil imagens do artista integram o acervo do IMS.

sábado, 6 de setembro de 2014

Oscar Niemeyer pelo olhar de Sergio Amaral

© Foto de Sergio Amaral. Oscar Niemeyer. Brasília, 1996.


Esta semana conheci pessoalmente o fotojornalista Sergio Amaral, que já trabalhou para os principais jornais do país. O retrato do arquiteto Oscar Niemeyer (1907-2012) compenetrado diante de um esboço de projeto, é uma das fotografias que Sérgio realizou em seus mais de 35 anos de carreira. A imagem foi feita em 1996, em uma das visitas do célebre arquiteto brasileiro à Brasília.

As crianças de Salkhazanoff

© Foto de Robert Doisneau. Les enfants de Salkhazanoff. Paris, 1950.


Desejo um excelente final de semana a todos, com este belo registro de Robert Doisneau (1912-1994).

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Antonin Artaud, "o pai do teatro moderno”

© Foto do acervo da Bibliothèque Nationale de France. Antonin Artaud na juventude. Sem data.


Este é um retrato do poeta, dramaturgo, ator e diretor de teatro francês Antonin Artaud (1896-1948) na juventude. Artaud, que é considerado por muitos "o pai do teatro moderno”, era tido como louco, certa vez ele afirmou: “E o que é um autêntico louco? É um homem que preferiu ficar louco, no sentido socialmente aceito, em vez de trair uma determinada ideia superior de honra humana. Pois o louco é o homem que a sociedade não quer ouvir e que é impedido de enunciar certas verdades intoleráveis”.

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Juan Rulfo fotógrafo

© Foto de Juan Rulfo. Oaxaca, México, 1956.


O escritor mexicano Juan Rulfo (1917-1986), que também foi fotógrafo, produziu milhares de imagens, que tinham como tema recorrente o tempo, o desamparo e a morte. Em 1986, o escritor morreu de câncer, aos 68 anos.

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Liv Tyler por Ellen Von Unwerth

© Foto de Ellen von Unwerth. A atriz Liv Tyler, 2002.

Em 2002, Liv Tyler foi clicada pela premiada fotógrafa alemã Ellen Von Unwerth. Para quem não sabe, Liv Tyler é filha de Steven Tyler, vocalista do Aerosmith, e da modelo Bebe Buell. Liv começou a carreira aos 14 anos, mas despontou para a fama no filme Beleza Roubada (1996), de Bernardo Bertolucci. Em 2006, ela foi eleita segunda mulher mais bonita do mundo, só perdendo para Audrey Hepburn.

Barcelona pelo olhar de Paulo D’Alessandro

© Foto de Paulo D’Alessandro. Imagem que compõe a mostra “Barcelona/92”, exibida no Ateliê 397, em São Paulo.


O fotógrafo Paulo D’Alessandro está exibindo a mostra “Barcelona/92” onde apresenta parte de sua série “Memórias de Barcelona”, no Ateliê 397, em São Paulo. São 14 fotografias realizadas pelo artista no início da década de 1990 na cidade de Barcelona. As fotos mostram pessoas “pegas de surpresa” pelo fotógrafo e revelam suas reações espontâneas ao ato de serem fotografadas: riso escancarado, proteção, inibição, desaprovação… Feitas na praia, em mercados, em frente a vitrines, no ambiente de trabalho, no metro, no caminho para casa, a série mostra certa ocupação do espaço público em uma cidade em franca reconstrução – Barcelona passou por uma imensa reforma urbana antes de sediar os jogos olímpicos me 1992. Por meio dos personagens que D’Alessandro retrata, é possível ver a relação que as pessoas mantinham com a cidade, seus hábitos, costumes, roupas, modos de circular e interagir com o meio. Serviço: exposição “Barcelona/92”. Até 03 de outubro. Visitação de segunda a sexta das 14 às 19H. Ateliê397. Rua Wisard, 397. Vila Madalena. São Paulo. Tel: 3034-2132.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Ansel Adams e Imogen Cunningham

© Foto de Alan Ross. Ansel Adams e Imogen Cunningham (ao fundo)  . Sem data.

Nesta imagem aparecem Ansel Adams (1902-1984) e Imogen Cunningham (1883-1976), dois dos meus fotógrafos prediletos.  Em 1932, Ansel Adams, Imogen Cunningham, e Edward Weston, criaram a agência F/64. Todos pertenciam a um grupo que defendia o detalhe e a estética naturalista. 

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Gal Costa e a mãe Mariah

© Acervo de família. Gal Costa ao lado de sua mãe Mariah Costa Pena no final da década de 40.

Nesta foto vemos a menina Gal Costa com a sua mãe Mariah Costa Pena, sua grande incentivadora. Certa vez, Mariah contou que durante a gravidez, ela passava horas ouvindo música clássica para influir musicalmente na gestação do bebê. Em 2012, Gal Costa foi eleita pela revista Rolling Stone a 7º maior voz da música brasileira de todos os tempos.

Hélio Oiticica por Ivan Cardoso

© Foto de Ivan Cardoso. Hélio Oiticica no Vórtice Funil, 1979.

Além de cineasta, Ivan Cardoso é um fotógrafo de mão cheia. Em seu arquivo pessoal, Ivan preserva mais de 80 mil negativos, como esta foto feita em 1979, do pintor, escultor, artista plástico e performático Hélio Oiticica (1937-1980) no Vórtice Funil. 

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Não a guerra

© Foto de H.S. Wong. Um bebê aterrorizado sobrevive ao bombardeio japonês na Estação Sul de Xangai. China, 1937.

A guerra, em qualquer parte do mundo, em qualquer época, causa destruição e morte. Atinge indiscriminadamente a população civil, não poupando nem as crianças e os idosos. Não toleremos que as guerras perversas acabem de vez com a humanidade.

O enterro de Getúlio Vargas

© Foto de Gervásio Baptista. Oswaldo Aranha discursa no enterro de Getúlio Vargas; ao centro, João Goulart. São Borja (RS). Brasil, 1954.


Em agosto de 1954, o lendário fotojornalista Gervásio Baptista cobriu o enterro de Getúlio Vargas: “Quando Getúlio faleceu, eu estava na Manchete. Adolpho Bloch me mandou cobrir o sepultamento, em São Borja. De Porto Alegre pra lá, deu umas quatro horas. Era mês de agosto, um frio terrível. Pensei que não aguentaria muito tempo naquele frio. Mas fui fazer meu trabalho. Fotografei Tancredo chorando, o chanceler Oswaldo Aranha falando emocionado. Estavam lá o Jango, Tancredo, Alzirinha, entre muitos outros”, declarou Gervásio ao site Superpauta em julho passado.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Therezinha Martins Rabêlo vira nome de rua

© Foto de Fernando Rabelo. Placa simbólica com o nome da minha mãe, que virou nome de rua em Belo Horizonte. Brasil, 2014.

Ontem à noite, em solenidade na Câmara Municipal de Belo Horizonte, a minha mãe Therezinha Martins Rabêlo (1928-2013), mais conhecida como Dona Thereza, foi homenageada através do projeto Rua Viva, que dá nome de rua às pessoas que dedicaram suas vidas ao processo de redemocratização do país. A Rua Therezinha Martins Rabêlo será na região da Pampulha. A homenagem foi uma sugestão do vereador Tarcísio Caixeta e aprovada por unanimidade pelos vereadores de Belo Horizonte.

O abraço de Pablo Picasso e Marc Chagall

© Foto de Philippe Halsman/Magnum. Pablo Picasso e Marc Chagall. França, 1955.

Este abraço de Pablo Picasso (1881-1973) e Marc Chagall (1887-1985), escondeu uma tensa relação de admiração, e de ressentimentos ocultos. "Quando Chagall pinta, não sei se ele está dormindo ou sonhando, deve ter um anjo em algum lugar em sua cabeça", alfinetou certa vez Pablo Picasso.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Um autorretrato de Arnold Newman

© Foto de Arnold Newman/Getty Images. Autorretrato. Philadelphia, 1938.


Hoje eu me deparei com este belo autorretrato de Arnold Newman (1918-2006), que trabalhou para as revistas Fortune, Life, e Newsweek retratando diversas personalidades como Marlene Dietrich, John F. Kennedy, Harry S. Truman, Piet Mondrian, Pablo Picasso, Arthur Miller, Marilyn Monroe, Ronald Reagan, e Audrey Hepburn, entre muitos outros. As fotografias de Arnold Newman eram na maioria em preto e branco, embora ele muitas vezes tenha fotografado a cores.

Françoise Dorléac e o diretor François Truffaut

© Foto de Raymond Cauchetier. Françoise Dorléac e o diretor François Truffaut num intervalo das filmagens de La Peau Douce (Um Só Pecado ou Angústia). 1964.


Neste registro vemos a atriz Françoise Dorléac e o diretor François Truffaut num intervalo das filmagens de La Peau Douce (Um Só Pecado ou Angústia). Françoise Dorléac (1942-1967), irmã mais velha de Catherine Deneuve, morreu tragicamente em um terrível acidente automobilístico na estrada de Saint-Tropez, aos 25 anos de idade. Raymond Cauchetier (nascido em 1920) é um fotógrafo francês, conhecido por ter retratado os filmes da Nouvelle Vague francesa.

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Vinicius de Moraes e a filha Georgiana

© Foto do acervo da família. Vinicius de Moraes sob o olhar da filha Georgiana. c1954.


Este é Vinicius de Moraes segurando no colo a filha Georgiana. “Quando ele se separou da minha mãe (Lila), eu tinha apenas cinco anos. Mas sempre recebeu a mim e a minha irmã. Na casa que construiu com a nova mulher (Lucinha), tinha quarto para mim e para (a irmã) Luciana. Convivíamos muito e ele fazia questão que fosse assim”, comentou Georgiana ao jornal Correio Braziliense em 2013.

Os pombos de Alain Delon

© Foto de Jack Garofalo/Paris Match. Alain Delon. Veneza, 1962.


No dia 12 de março de 1962, entre os turistas da Piazza San Marco em Veneza, o ator Alain Delon foi clicado fotografando um pombo que havia pousado em sua máquina fotográfica. Este incrível registro foi feito pelo fotógrafo Jack Garofalo da revista Paris Match.

domingo, 24 de agosto de 2014

O olhar "etnográfico" de Alécio de Andrade

© Foto de Alécio Andrade/IMS.  Parque de Saint-Cloud. França, 1975.


Este instantâneo foi feito pelo fotógrafo carioca Alécio de Andrade (1938-2003), que foi membro associado da Agência Magnum entre 1970 e 1976.  “A arte do instante, que foi se impondo à fotografia ao longo do século XX, é também uma homenagem à vida, e nisso Alécio foi mestre por si só. Seu olhar sobre o humano é quase etnográfico”, afirma o jornalista Pedro de Souza.

sábado, 23 de agosto de 2014

A fabulosa Baby Peggy

© Century Studios.  Cena do filme “Captain January”. EUA, 1924.

Esta é uma cena do filme Captain January (1924), onde aparece Diana Serra Cary, mais conhecida como “Baby Peggy”, uma famosa atriz mirim de Hollywood na era do cinema mudo. Entre 1921 e 1924, Peggy fez cerca de 150 curtas-metragens de comédia para Century. A mocinha acabou apelidada de "The Million Dollar Baby" devido ao seu salário de US $ 1,5 milhão por ano. 

O filme "O Mágico de Oz" completa 75 anos

© Metro-Goldwyn-Mayer. Dorothy (Judy Garland) e seu cãozinho no filme "O Mágico de Oz". EUA, 1939.


Há 75 anos, em 25 de agosto de 1939, estreou nos EUA o filme "O Mágico de Oz", que teve um impacto duradouro na cultura e no comportamento em todo o mundo. Lançado simultaneamente com “E o Vento Levou”, os dois filmes são considerados as duas grandes produções hollywoodianas da época.

Curiosidade infantil

© Foto de Alfred Eisenstaedt. Menina olha para a boca de um peixe grande que seu pai tinha acabado pescar. Flórida, EUA, 1956.


Bom final de semana a todos com este belo registro do célebre fotógrafo Alfred Eisenstaedt (1898-1995), que começou a tirar fotografias como freelance em 1920, quando comprou a sua primeira máquina com o dinheiro que ganhou vendendo cintos e botões, e acabou se tornando um dos maiores fotojornalistas do século XX.

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Sonia Braga pelo olhar de Pedro Martinelli

© Foto de Pedro Martinelli/Abril. A atriz Sonia Braga. Brasil, 1978.

Este é um belo retrato da atriz Sonia Braga publicado na capa da revista Veja em maio de 1978. A foto é de autoria de Pedro Martinelli. “Minha grande galeria era a banca de revista, hoje, o mercado editorial está cada vez menos aquecido. Hoje, com a banalização da fotografia, qualquer um fotografa. O que é bom por um lado, mas isso afetou profundamente a profissão do fotógrafo, que está se tornando cada vez mais difícil. A saída que vejo é que os fotógrafos precisam propor projetos”, afirmou Martinelli em 2010.